Série X

FUJIFILM X100S

Recurso 2Sensor X-Trans CMOS II de 16M APS-C e Processador EXR II Sensor

A Fujifilm X100s proporciona a melhor qualidade de imagem. A eliminação de filtro passa-baixa óptico e o emprego do mesmo arranjo de pixels original como a X-Pro1, são a chave para a resolução que rivaliza com o sensor de tamanho total.

Sensor grande X-Trans CMOS II APS-C

Sensor X-Trans CMOS II

A arquitetura sem OLPF e o arranjo de pixels original são a chave para a resolução que rivaliza com um sensor de tamanho total. Com a integração exclusiva dos pixels de detecção de fase na matriz, a X100S apresenta uma mudança dramática em velocidade AF (foco automático).

Sensor X-Trans CMOS II de 16M APS-C e Processador EXR II Sensor
- Liderando o caminho para a melhor qualidade de imagem -

A resolução extrema feita sob medida do sensor FUJIFILM X-Trans CMOS II APS-C de 16MP com arquitetura sem filtro passa-baixa (OLPF), a clareza do sinal obtido pela otimização de cada aspecto de seu circuito de processamento e a qualidade de imagem aprimorada que é produzida pelo potente Processador EXR II levam a X100S ao próximo nível de excelência.

  • 1: Microlentes
  • 2: Filtro colorido X-Trans
  • 3: Filtro de interseção de luz E/D
  • 4: Sensor de detecção de fase/Pixel Filtro Verde
  • 5: Fotodiodo

A tecnologia avançada transforma a potência da lente em fotos realmente verdadeiras.

O sensor X-Trans CMOS II incorpora um arranjo de filtro colorido original, com um padrão altamente ao acaso, eliminando a necessidade de um filtro óptico passa-baixa (OLPF). Os filtros ópticos passa-baixa (OLPF) são utilizados nos sistemas convencionais para inibir o efeito "moiré" (ondulações) à custa da resolução. O arranjo do X-Trans CMOS II permite que o sensor capture a luz não filtrada pela lente, obtendo um nível de resolução sem precedentes. Além disso, a utilização do desempenho melhorado do processador EXR II permite que os fatores do Otimizador de modulação da lente (LMO) sejam calculados para compensar as aberrações e o desfoque de difração, que ocorrem quando a luz atravessa a lente, e então são aplicados para produzir imagens com nitidez incrível.

[esquerda]Sensor convencional [centro]Novo sensor (sem OLPF)/Novo processador (processamento LMO) [direita]Novo processador (processamento PSFD)
  • FUJIFILM X100
  • Novo sensor (sem OLPF)/Novo processador (processamento LMO)
  • FUJIFILM X100S
Comparação de resolução

Eixo vertical: MTF (Resolução)
Eixo horizontal: Ip/mm (Frequência espacial)

Sensor X-Trans CMOS II e Processador EXR II
- Configuração de novos parâmetros em desempenho de baixo ruído -

No sensor X-Trans CMOS II, os circuitos otimizados elevam a razão S/R e produzem um sinal claro que é aumentado pelo potente e novo processador EXR II para a obtenção de um aumento adicional na qualidade de imagem. O processamento do sinal original do arranjo do X-Trans, apresentando uma tecnologia de separação de ruído avançada, está associado a um processo mais moderno de redução de ruído que explora o diferencial da cor para eliminar o desfoque cromático, resultando em uma qualidade de imagem muito além do tamanho do sensor.

Comparação do desempenho de alta sensibilidade

Eixo vertical: S/N (dB)
Eixo horizontal: ISO

Observação

  • . As amostras de fotos são imagens simuladas.

Powered By OneLink